O problema do tradicional sistema de bloqueio de fontes de energia para equipamentos em manutenção

O processo de bloqueio de fontes de energia para manutenção ou reparo de equipamentos é rotina nas atividades da indústria. Ainda hoje, a forma como ele é realizado na maior parte das empresas do setor industrial é manual e, em alguns casos, desorganizado. O que gera excesso de documentação, cartões ou etiquetas de identificação e consequentemente caixas e cadeados convencionais. Problema encontrado não só na unidade de Queiroz da AngloGold, mas em diversas outras plantas industriais.

Além disso, outra situação comum no método de bloqueio de fontes de energia tradicional é a dificuldade de se auditar o processo de bloqueio. Isso porque em grande parte das situações o processo não permite ser auditável, impossibilitando de se obter importantes informações sobre os bloqueios. Afinal, a forma de bloqueio tradicional permite que seja feito por pessoas não autorizadas e o preenchimento errado das etiquetas ou cartões de bloqueio.

Processo de implantação do novo sistema

Assim, para solucionar o problema da AngloGold, o novo sistema para o bloqueio de fontes de energia durante a manutenção ou reparo de equipamentos precisaria estar centrado em quatro pilares: o processo de bloqueio precisa ser seguro para pessoas e ativos; pessoal, individual e intransferível; adequado às normas de segurança; auditável e inteligente.

Slock: uma solução APTA

A solução apresentada pela APTA é composta por software e hardware. A solicitação do bloqueio é feita através de reconhecimento facial e integrado com sistema de automação. Após a solicitação do processo de bloqueio, o sistema imprime todas as etiquetas necessárias e destacadas pela matriz de bloqueio.

Para solucionar o problema de excessos de cadeados e a desorganização causada por eles, foi desenvolvida, com tecnologia própria da APTA, uma caixa de bloqueio que armazena as chaves dos cadeados utilizados e na qual a fechadura é acionada automaticamente.

Todas as informações referentes ao processo de bloqueio são rastreadas e ficam gravadas em um sistema que permite visualizar, monitorar e auditar os bloqueios, sendo possível o acesso em tempo real e histórico. Para tanto, o sistema ainda deveria possuir perfis de usuários com as devidas permissões para suas funcionalidades. Como, por exemplo, o perfil de gestor da área que possui as devidas permissões para cadastrar e excluir usuários e excluir ou transferir bloqueios.

Resultados da AngloGold

O sistema tem uma tecnologia pioneira no bloqueio de fontes de energia e possibilita que o processo seja feito de forma sistemática, ágil e confiável, eliminando, assim, os possíveis erros durante o bloqueio.

A solução desenvolvida pela APTA adiciona diversas camadas de segurança no processo de bloqueio para a indústria, é escalável e personalizável. Além disso, otimiza o procedimento de bloqueio, torna o processo individual e intransferível, e permite auditoria real do sistema.

A implantação do Slock na AngloGold possibilitou um processo de bloqueio de equipamentos para manutenção alinhado à Indústria 4.0 e à Internet Industrial das Coisas (IIoT).

slock_sistema_de_bloqueio_de_fontes_de_energia
Solução APTA para o bloqueio de fontes de energia perigosas para manutenção de equipamentos na planta unidade de Queiroz da AngloGold.

O Slock é um produto oferecido pela APTA que possibilita que o bloqueio de fontes de energia seja feito de forma inteligente, segura, que seja auditável e adequado às normas de segurança, além de ser pessoal, individual e intransferível. Entre em contato e conheça o sistema!